perm_identity event

Dica do Leitor – Gravando com fone de ouvido!

Bom, pessoal, está ficando cada vez mais dificil atualizar o blog com a frequencia que eu gostaria. Mas o legal é que o pessoal que visita aqui está querendo participar também!

Pensando nisso, estou inaugurando hoje a sessão “Dica do Leitor”, com dicas e tutoriais que os leitores desse blog enviam pra mim.

Quer participar também? Envie sua dica para o e-mail do blog (contatogravandoemcasa@hotmail.com)! Seu texto será analisado, e se algo estiver errado, entrarei em contato para sanar as dúvidas! É uma forma legal de aprender e contribuir. E claro, eu também vou aprender muito com vcs!

Abraços a todos!

———————-

GRAVANDO COM O FONE DE OUVIDO! – TUTORIAL

por Denis Miranda – cuestacola@hotmail.com

Então vamulá!
Desde o começo!

0 – FONE
:
Usei um fone da Panasonic, que me deu sinal estéreo. Não sei se todos os fones dão sinal estéreo, mas o meu é um que tem até as “argolinhas” pra por em volta da orelha (não é In-ear).

1 – DAW:
Usei um DAW chamado Cool Edit Pro. É o mesmo Adobe Audition, porém uma versão mais antiga (ANTIGA, e não ultrapassada), de antes da Adobe comprar os direitos desse programa.
É dubaralho esse DAW, principalmente pra quem não manja muita coisa de compressor, reverb e etc., porque ele vem com os efeitos já prontos pra cada função, ou seja, já tem compressor específico pra guitarra, bateria… Tem reverb de estádio, de sala com drywall… Enfim, é o corpo inteiro na roda!

2 – FAIXAS:
O CoolEditPro tem um esquema muito bom pra gravar multitrack, então pra poder editar separadamente cada pista de um jeito (mais grave em uma, mais aguda na outra e na outra o som flat, por exemplo), já abri e gravei direto 3 faixas diferentes, pra não precisar ficar esperando essa porta carregar depois que copia!

2.1 – 1ª FAIXA:
Nessa faixa dei ganho de 10.9 DB, usei o compressor power drums e o reverb Warm Room. Usei essa faixa como a “principal”.

2.2 – 2ª FAIXA:
TENTEI (em vão) usar essa faixa pra dar um peso a mais, porém o Fone não capta muito bem as frequências mais baixas, então não adiantou PN!
Mas deu até um Upzinho! Dei ganho de 4.2 DB e usei a Equalização chamada “1960” com um boost nos graves.

2.3 – 3ª FAIXA:
Também tentei dar um up a mais nos graves com essa faixa, mas… NADA!
Deu só um boost no volume, sem muito chiado a mais…
Nessa eu não usei nenhum efeito, só aumentei no mixer que o Software fornece na tela de Multitrack os médios pra 1.0 e os Graves para 4.0.

2.4 – MASTER
:
Não fiz nada. Não coloquei nenhum efeito geral e nem dei ganho.

3 – ONDE COLOQUEI OS “MICS”
:
Coloquei um deitado no chão, apontando pra cima mesmo logo do lado da caixa (meio que pegando a esteira, o kick do bumbo, as respostas gerais e os pratos HAHAHAHA) e o outro eu prendi na mesa apontando pra caixa, pra vir um som mais poderoso dela.

4 – RESULTADO:
É esse:

http://www.4shared.com/file/250092944/793a169a/melhorbateracfone.html

Não é uma parada top, aliás acho que não é nem intermediário HAHAHAHAHA, mas é bom porque já dá pra gravar uns covers sem precisar do áudio da câmera, que não costuma ser lá essas coisas, ou então, por ser fácil de montar o esquema, dá pra registrar alguma idéia que veio na cabeça na hora, ver se caiu bem…

E é isso!
Espero ter sido útil em alguma coisa!

Abraço!

TAGS:
Artigos relacionados